Logo

AORGA : ÁCIDOS ORGÂNICOS - Qualitativo

Material: urina jato medio

Coleta: Jejum não necessário. Se o exame não for realizado no mesmo dia, congelar a amostra.
Enviar questionário preenchido. (disponível no site Alvaro na área de downloads)

Interpretação: Uso: teste de triagem para deficiência de hidrocarboxilase sintetase, biotinidase e outras carboxilases; identificação da causa de acidose metabólica com ânion gap aumentado, especialmente quando se suspeita de uma acidemia orgânica genética.
A natureza e a quantidade dos ácidos orgânicos detectados usualmente permite a identificação completa do tipo de acidemia orgânica presente, ou restringe a pequeno número de possíveis entidades patológicas. Ácidos orgânicos anormais são vistos em acidoses lácticas não genéticas e cetoacidoses, o que sugere cuidados na interpretação dos resultados em correlação com outros achados e condições clínicas. Em alguns distúrbios raros (ex. tirosinemia tipo I, doença de Caravan), ácidos orgânicos anormais estão presentes na ausência de acidose metabólica.
Interferentes: Qualquer uso de medicamento nos três dias antecedentes coleta deve ser relatado.

Newsletter:

Cadastre seu e-mail e receba novidades sobre saúde.